PARTICIPE!

DOE COM CARTÃO

Pay1

DEPÓSITO BANCÁRIO

Deposito

DOE COM PAYPAL

Parcela única ou mensal

PayPal

CONTRIBUIÇÃO MENSAL

Boleto Bancário

Boleto

Instituto Ingo Hoffmann realiza intervenção cultural na oficina de música

Evento foi realizado neste sábado (02), na brinquedoteca da associação

As famílias atendidas pelo Instituto Ingo Hoffmann, que ajuda crianças em tratamento com câncer, tiveram uma intervenção cultural neste sábado (02), durante a oficina de música.

O grupo Regional da Vila foi até a associação, que fica localizada em Campinas (SP) e tocou diversas músicas típicas da cultura brasileira.

Segundo Rafael Cabello, coordenador de produção da entidade, a ideia foi levar diferentes sons da cultura nacional.

“As famílias puderem ouvir instrumentos de cordas dedilhadas, e saber mais do potencial da música brasileira”, declarou Rafael.

O grupo Regionla da Vila, criado em 2017, leva ao público inúmeros sons, dos instrumentos nacionais mais variados, como cavaquinho, Bandolim, Violão 7 cordas de aço e pandeiro.

Lembrando que as oficinas de música acontecem sempre aos sábados, no comando do professor Rodrigo Vicente.

“Nas aulas sempre levo instrumentos típicos da nossa cultura e que sejam mais tranquilos para eles tocarem. Usamos o canto e o trabalho coletivo para fortalecer o objetivo da oficina: unir cada vez mais as famílias e levar esperança é um momento de desafogo, perante tantos problemas que passam no cotidiano”, disse Rodrigo Vicente.

A oficina de música faz parte do Calendário de Atividades Socioculturais - Plano Anual, que se dá através da Lei de Incentivo a Cultura, programa de incentivo do Ministério da Cidadania e tem como patrocinadores: Cateno, Banco Safra, DHL, Sodexo, Besins Healthcare e Alibra.

O Instituto

O Instituto Ingo Hoffmann é uma entidade beneficente e sem fins lucrativos fundado em 31/08/2005 tendo como missão inicial proporcionar maior oportunidade de cura para crianças em tratamento de câncer, através de uma parceria com o Centro Infantil Boldrini no projeto denominado Casa de Apoio à Criança e à Família. Trata-se de um modelo de moradia temporária.

No total são 30 chalés, divididos em 10 vilas, construídos em um terreno com mais de 6.000 metros quadrados, localizado ao lado do edifício da Radioterapia do hospital. Além das acomodações, o local possui brinquedoteca, biblioteca, academia interna e externa, refeitório e lavanderia.

O objetivo da Casa da Criança e da Família é abrigar crianças em tratamento intensivo de câncer e seus acompanhantes, vindos de diversas regiões do Brasil e da América Latina para fazer tratamento no Centro Infantil Boldrini e não têm condições de serem mantidas por suas famílias fora de suas casas.



Publicado em: 14/11/2019 | Atualizado em: 14/11/2019


Compartilhe com os seus amigos